O Emagis Cursos Jurídicos iniciou suas atividades em 2010 com a missão de proporcionar uma preparação de excelência para candidatos aos concursos públicos mais exigentes, notadamente aqueles voltados às carreiras jurídicas de Estado (magistratura, ministério público, defensoria pública, advocacia pública e carreiras policiais), reunindo professores com largo histórico de aprovações nos mais diversos certames e ampla experiência profissional nessas carreiras e no magistério jurídico.

 

Desde então, temos nos destacado pela já consagrada qualidade de nosso conteúdo jurídico e de nossa exclusiva plataforma virtual, constantemente aperfeiçoada por uma competente equipe de programadores em ordem a utilizar dos mais avançados recursos tecnológicos a fim de levar aos nossos alunos uma experiência única de aprendizado,  potencializando a eficiência dos estudos, otimizando o tempo disponível e ofertando um treinamento intensivo por meio dos mais variados cursos voltados a todas as etapas dos mais exigentes concursos públicos. São programas de estudo, cursos em videoaula, simulados de prova oral e rodadas semanais de questões objetivas, discursivas, peças processuais e sentenças, com correção personalizada pelos nossos professores e novos exercícios que se renovam semana a semana, incansavelmente!

 

Não é sem razão, portanto, que nossos(as) diletos(as) alunos(as) têm alcançado resultados extraordinários nos mais concorridos concursos públicos: já são mais de 4.000 aprovações homologadas para cargos de juiz de direito, juiz federal, promotor de justiça, procurador da república, defensor público estadual, defensor público da União, advogado da União, procurador federal, procurador da fazenda nacional, procurador do estado, procurador do município, delegado de polícia civil e delegado de polícia federal, dentre outros. Confira alguns exemplos - e convidamos você a visualizar outros na nossa seção de Aprovações:

 

- Magistratura Estadual: 91% no TJ/DFT (XLIII Concurso; 11 entre 12 aprovados); 74% no TJ/SE (8 entre os 10 primeiros); 73% no TJ/PB (7 entre os 10 primeiros); 73% no TJ/GO (6 entre os 10 primeiros); 68% no TJ/MS; 68% no TJ/PI; 66% no TJ/DFT (XLI Concurso, 6 entre os 9 primeiros); 65% no TJ/RS (4 entre os 5 primeiros); 65% no TJ/RN (8 entre os 10 primeiros); 63% no TJ/MT (9 entre os 10 primeiros); 62% no TJ/RR (6 entre os 10 primeiros); 62% no TJ/DFT (XLII Concurso, 5 entre os 7 primeiros); 61% no TJ/SP (186º Concurso; 47 aprovados); 61% no TJ/RJ (6 entre os 10 primeiros); 61% no TJ/PE (4 entre os 10 primeiros); 61% no TJ/PA (6 entre os 10 primeiros); 60% no TJ/PR (2016/2017, 5 entre os 10 primeiros); 59% no TJ/SP (187º Concurso, 48 aprovados); 59% no TJ/CE (último concurso, 9 entre os 10 primeiros); 58% no TJ/MA (8 entre os 10 primeiros); 57% no TJ/CE (penúltimo concurso; 8 entre os 10 primeiros); 52% no TJ/PR (último concurso); 48% no TJ/RS (último concurso; 6 entre os 10 primeiros); 48% no TJ/MG (penúltimo concurso; 6 primeiros colocados); 46% no TJ/PR (2014, 43 aprovados); 46% no TJ/MG (último concurso, 7 entre os 10 primeiros); 43% no TJ/BA (5 entre os 10 primeiros);

 

- Magistratura Federal: 83% no TRF2 (XV Concurso, 10 primeiros colocados); 81% no TRF1 (XV Concurso, 12 primeiros colocados); 80% no TRF2 (XVII Concurso, 8 entre os 10 aprovados); 78% no TRF3 (XVII Concurso, 10 primeiros colocados); 78% no TRF4 (XVI Concurso, 8 entre os 10 primeiros); 72% no TRF5 (XIV Concurso, 8 entre os 10 primeiros); 70% no TRF4 (XVII Concurso, 7 entre os 10 primeiros); 68% no TRF5 (XII Concurso, 5 entre os 10 primeiros); 68% no TRF1 (XVI Concurso, 7 entre os 10 primeiros); 64% no TRF2 (XVI Concurso, 7 entre os 10 primeiros); 64% no TRF3 (XVIII Concurso, 7 entre os 10 primeiros); 53% no TRF5 (XIII Concurso, 6 entre os 10 primeiros);

 

- Ministério Público Estadual: 57% no MP/PE (5 entre os 10 primeiros); 52% no MP/BA (4 entre os 5 primeiros); 52% no 28º Concurso MPF (8 entre os 10 primeiros); 50% no MP/SC; 49% no MP/PA (3 dentre os 5 primeiros); 49% no 27º Concurso MPF (5 entre os 6 primeiros); 49% no MP/PR; 48% no MP/PI; 46,8% no 29º Concurso MPF (22 aprovados); 43% no MP/MS (5 entre os 10 primeiros); 43% no MP/MT; 43% no MP/AM (5 entre os 10 primeiros); 42% no MP/RJ; 39% no MP/CE (8 dentre os 10 primeiros); 39% no MP/MA; 29% no MP/TO (37 aprovados); 27% no MP/SP;

 

- Ministério Público Federal: 52% no 28º Concurso MPF (8 entre os 10 primeiros); 49% no 27º Concurso MPF (5 entre os 6 primeiros); 46,8% no 29º Concurso MPF (22 aprovados);

 

- Defensoria Pública Estadual: 59% na DP/CE (5 entre os 10 primeiros); 58% na DP/PR (8 entre os 10 primeiros); 54% na DP/PB (9 entre os 10 primeiros); 54% na DP/BA (VI Concurso); 50% na DP/MA (5 entre os 10 primeiros); 45% na DP/RS (5 entre os 10 primeiros); 44% na DP/DF (4 entre os 5 primeiros); 44% na DP/RN (4 entre os 5 primeiros); 43% na DP/SP; 40% na DPE/AL (6 entre os 7 primeiros; 109 aprovados); 39% na DPE/BA (VII Concurso); 37% na DP/PE (74 aprovados); 35% na DP/ES; 33% na DP/RJ; 33% na DP/SC; 33% na DP/AC (4 entre os 5 primeiros); 32% na DP/RO; 31% na DP/AP (4 entre os 10 primeiros; 35 aprovados); 30% na DP/MA (47 aprovados; 2 entre os 3 primeiros); 18% na DP/AM (3 entre os 10 primeiros);

 

- Defensoria Pública da União37% dos aprovados no Concurso DPU 2017 (58 aprovações); 39% dos aprovados no Concurso DPU 2015 (44 aprovações);

 

- Advocacia Pública Federal: 86 aprovados no último concurso para Advogado da União (5 entre os 10 primeiros); 165 aprovados no último concurso para Procurador Federal (5 entre os 10 primeiros);

 

- Advocacia Pública Estadual: 49% na PGE/PI (5 entre os 7 primeiros); 74 aprovados na PGE/BA; 41 aprovados na PGE/SP; 35% na PGE/PA; 34% na PGE/RN (37 aprovações); 25% na PGE/MT; 24% na PGE/AM; 20% na PGE/GO, dentre outros certamens para procuradorias estaduais;

 

- Advocacia Pública Municipal: 54 aprovados na PGM de Salvador/BA; 37 aprovados na PGM de Belo Horizonte/MG; 25 aprovados na PGM de Manaus/AM; 24 aprovados na PGM de João Pessoa/PB; 21 aprovados na PGM de Curitiba/PR; 20 aprovados na PGM de Campinas/SP (3 entre os 10 primeiros), dentre outros certames para procuradorias municipais.

E a lista não para de aumentar. Venha estudar conosco. Conheça a qualidade de nosso ensino jurídico e de nossa exclusiva plataforma de estudos. Permita-nos ajudá-lo(a) a alcançar a aprovação no cargo público dos seus sonhos!

Emagis: líder em aprovação nos mais exigentes concursos públicos!

a